Demissão e entrevista de emprego: saiba como contar sobre suas experiências anteriores sem tabus

No Brasil, demissão ainda é assunto tabu, visto como sinal de fracasso ou incompetência. No entanto, é preciso entender que essa situação não é improvável para nenhum profissional



Ser demitido é, muitas vezes, uma experiência traumática e que faz o profissional se questionar sobre suas capacidades. Mas a vida segue e é preciso entender que só é demitido quem está no mercado. Em muitos casos, inclusive, a demissão não é por conta da performance do profissional na empresa, mas por outra razão que pode ser o momento econômico ou a estratégia da empresa naquele momento. No Brasil, demissão ainda é assunto tabu, visto como sinal de fracasso ou incompetência. Mas é preciso entender que essa situação não é improvável para nenhum profissional que está no mercado e pode acontecer com todos, ainda mais num país de economia instável e num momento de pandemia.


Mas e na hora de buscar novas oportunidades de trabalho, como abordar o assunto? A primeira e mais preciosa dica é: seja transparente! Mentir ou omitir que foi desligado do último emprego é o pior caminho.


Recrutadores são experientes em realizar entrevistas e, ao longo da conversa, você acabará se complicando e deixando escapar da pior forma o real motivo de sua saída da empresa anterior. É importante saber que o fato de ter sido desligado não é eliminatório em nenhum processo seletivo, já mentiras…

Outro fator relevante é como você lida com a demissão. Não é tarefa fácil, mas é importante naturalizar a saída da empresa por desligamento e usar isso como aprendizado. A partir do momento que você demonstra numa entrevista que tirou alguma lição disso, fica a impressão de que houve uma evolução, mesmo tendo sido uma experiência traumática num primeiro momento.


O pior caminho é falar sobre o assunto com raiva, rancor ou colocando a culpa no antigo chefe e na antiga empresa. Lembre-se: ter uma postura defensiva ou agressiva dá a impressão de que você não lida bem com as frustrações. E isso sim pode te excluir do processo seletivo.

É bem verdade que falar de demissão pode ser desconfortável numa entrevista de emprego, mas para o recrutador é essencial saber os motivos que levaram à saída das empresas anteriores, especialmente quando a passagem foi muito breve. E a honestidade é o ponto de partida para uma relação de confiança entre o candidato e a empresa. Além de ser falta de ética, a mentira sobre o assunto no processo seletivo pode ser uma bomba-relógio lá na frente, quando a empresa colhe as referências.


Sim, na maioria dos processos de seleção, a empresa busca referências e pode pegar o candidato na mentira. Sendo assim, seja breve, não se alongue no assunto, respeite a empresa anterior e foque no presente e no que você pode entregar dali pra frente. Mas nunca deixe de falar a verdade. Os casos mais delicados são os de demissão por baixa performance. Essas situações exigem um pouco mais de cuidado ao serem exploradas pelos profissionais e acontecem, especialmente, nas posições comerciais, onde as metas são mais agressivas e o não atingimento leva a desligamentos rápidos.


Muitas vezes, a não adaptação do profissional ao produto comercializado ou a cultura da empresa gera uma desmotivação que se torna um dos principais fatores para a baixa performance nas vendas. Como sempre, a dica é ser transparente e mostrar que, apesar de tudo, a experiência foi válida e trouxe aprendizados. Admitir os erros também demonstra maturidade e demonstra que sua saída da empresa foi justa.


O mais importante é saber que a demissão não é o fim de sua carreira, mas uma oportunidade de enxergar sua vida profissional com outros olhos. Esse momento de pausa serve para você avaliar seus próximos passos, entender seus erros e acertos e buscar novos caminhos. Num processo seletivo, explicar sobre uma demissão pode ser amargo, mas é a chance de mostrar sua capacidade de se adaptar e persistir. Tenha em mente que uma boa abordagem sobre o tema pode lhe diferenciar positivamente em relação aos demais candidatos.



Fonte: https://jc.ne10.uol.com.br/colunas/carreiras-e-mercado-de-trabalho/2021/03/12035366-demissao-e-entrevista-de-emprego-saiba-como-contar-sobre-suas-experiencias-anteriores-sem-tabus.html?utm_source=carreiras&utm_medium=google-ads&utm_campaign=demissao-entrevista

0 visualização0 comentário